Resenha: Deixe a Neve Cair

terça-feira, dezembro 10, 2013

 Estou aqui neste exato momento porque acabei de ler Deixe a Neve Cair (John Green, Maureen Johnson, Lauren Myracle), um livro com três contos natalinos escritos por autores maravilhosos, e vim fazer a resenha porque eu simplesmente amei esse livro! O que mais me conquistou foi que as três histórias se ligam em algum ponto, e eu achei isso genial!

 O primeiro conto, O Expresso Jubileu, é o da Maureen Johnson e conta a história de Jubileu (sim, esse é o nome da protagonista, embora no começo eu tenha achado que esse seria o nome do trem), uma adolescente que esperava passar a véspera natal com seu namorado e comemorar o aniversário de um ano de namoro, mas seus pais acabam entrando em uma confusão por causa de uma coleção de casinhas de natal e acabam presos. Eles então, mandam Jubileu para a casa dos avós, mas uma grande nevasca a impede de chegar de trem até seu destino. Ela fica presa no trem e ainda mais irritada por causa da companhia de catorze lideres de torcida que não param de falar. Pela janela do trem, Jubileu avista uma Waffle House, e decide ir até lá para se livrar das líderes de torcida. Pouco tempo depois as catorze meninas também vão à Waffle House, mas tudo muda quando Jubileu conhece Stuart, que a convida para ir para a casa dele, e após ver que ficar com líderes de torcidas lotando a loja não seria uma boa opção, ela decide seguir Stuart.

Esse foi o meu conto preferido, pois eu amei o jeito do Stuart e em certos pontos fiquei irritada com Jubileu pelo jeito que ela falava do namorado, que não dava a mínima pra ela. Vou confessar que até chorei no final, pois achei fofinho! Eu amei o jeito que a Maureen escreveu e quis até uma continuação!

 Depois, temos a história do John Green, O Milagre da Torcida de Natal, que conta a aventura de JP, Tobin e Duke, que no caso é uma menina, que interrompem uma maratona de filmes para chegar até a mesma Waffle House do primeiro conto, onde um amigo liga para Tobin avisando-os sobre um trem lotado de líderes de torcida empacou em frente à loja onde ele trabalhava e elas querem um jogo de Twister. Aí começa a corrida dos três para chegar antes de outros dois grupos que também estão com o Twister. Muita coisa acontece nessa corrida contra a nevasca, o tempo e os outros que também estão tentando chegar à Waffle House. 




O último conto é da Lauren Myracle, que poderia ter sido meu favorito, se a Maureen não tivesse me conquistado com a Jubileu. O Santo Padroeiro dos Porcos narra a história de Addie, que está desesperada por causa do término de seu namoro com Jeb (eu fiquei tão feliz quando vi que era o mesmo Jeb que aparecia no primeiro conto). Na manhã de Natal ela chama suas amigas para ocupar o tempo e não pensar na besteira que cometeu com seu ex namorado. Mas acabam brigando porque uma das meninas acha que Addie só pensa em si mesma. Ao longo do livro outros personagens aparecem e dizem a mesma coisa para Addie, até que ela começa a pensar em suas atitudes e resolve mudar, provando que não pensa só em si, quando consegue pegar Gabriel, um miniporco, para sua amiga. Eu adorei o final do livro onde aparecem os casais dos outros contos e todos eles conversam e deixa o final muito mais legal!

***

Ao ler esse livro estou esperando meu Natal com frio, neve, waffles, café e mais neve, cadê? hahaha
Já leram o livro? Querem ler? O que acharam da resenha?

Beeeeijos <3



Leia esses também

13 comentários

Seguidores